A ideia de que o açúcar é um dos grandes vilões da saúde humana já está bastante difundida entre especialistas e a sociedade em geral. Seus malefícios vão muito além do ganho de peso, podendo desencadear – a longo prazo – inúmeras disfunções entre elas o câncer e claro, as cáries.

As cáries dentárias são o resultado da combinação de uma série de fatores, entre eles, a alimentação. Os açúcares e carboidratos passam por um processo bacteriano de transformação na boca e ajudam na formação e fixação da placa e de ácidos orgânicos que podem estragar o esmalte dos dentes.

Manter uma alimentação balanceada com um consumo equilibrado de açúcar é tão ou mais importante que a escovação ou o fio dental no cuidado com a saúde bucal. Mas se você já pensou em, imediatamente, cortar todo o chocolate e sorvete da sua vida, muita calma. Não são apenas os alimentos de sabor doce os responsáveis pelo açúcar em nossa boca. O principal vilão da saúde bucal é bem mais discreto e muito mais presente na nossa alimentação: o carboidrato.

De acordo com especialistas, o excesso dos carboidratos simboliza principal causa de problemas dentários, já que eles são ricos em amido, que se transforma facilmente em açúcar em contato com a saliva. É claro que você não precisa cortar arroz, legumes, pães e massas da alimentação, mas a sugestão aqui é se alimentar com moderação e sempre escovar os dentes logo em seguida.

Como a vida ficaria muito chata se cortássemos radicalmente todos os alimentos que contribuem para a formação da cárie, a sugestão aqui é: higiene. Não hesite em escovar os dentes e passar o fio dental a cada vez que fizer uma refeição, comer um doce ou mesmo tomar um cafezinho. Este cuidado vai permitir que você continue comendo as coisas que gosta e, ao mesmo tempo, consiga manter os dentes saudáveis e livres de cáries.